sábado, março 06, 2010

Esta morte não pode ser banalizada!!!

Já todos sabemos o que aconteceu ao pequeno Leandro. Falta agora saber as razões que levaram o Leandro a pôr termo à sua vida e, sobretudo, perceber até que ponto é que os vários intervenientes escolares (Direcção, professores e funcionários) tiveram ou não responsabilidades no trágico fim do Leandro, quer tenha sido por acção ou omissão. E os alunos que aterrorizavam a vida do Leandro não podem ficar impunes!!!
A investigação deste caso terá que ser séria, celere e consequente. E, em termos legislativos, nada pode ficar na mesma: há que legislar por forma a mudar procedimentos disciplinares e combater eficazmente a indisciplina que grassa nas escolas públicas portuguesas.

4 comentários:

IsaMar disse...

É lamentavel este tipo de situação.
Infelizmente o "bulling" afecta uma em quatro crianças, segundo uma noticia que ouvi á minutos.
É claro que nada poderá ficar na mesma...mas acho que primeiro deveria haver uma grande "metamorfose" dentro das familias.
A escola vem posteriormente, onde temos um papel crucial na realização de actividades que façam diminuir tanta indisciplina. Em vão penso que não irá ficar, pois como sempre e infelizmente tem de acontecer primeiro uma desgraça para então alguem tomar medidas, soluções.

Isabel da Madeira

Anónimo disse...

A continuar assim qualquer dia toca-nos a nós!
Não podemos dizer nada Às criancinhas porque ficam traumatizadas, não podem ser repreendidas porque ficam traumatizadas, podem fazer o que lhes apetece porque se não ficam traumatizadas,....
Em primeiro lugar a educação começa em casa, os Srs. encarregados de educação não se podem demitir do estatuto que esse nome lhes confere!
Em segundo lugar umas reguadas e uns castigos tão severos quanto a patifaria que os 'meninos fizeram' nunca fizeram mal a ninguém!
Por último (e eu nem sequer sou professor) eu acho que a função de um professor é simplesmente ensinar aqueles que andam na escola e que querem lá estar, os outros que vão para a pxxx qu'os pariu!
A minha filha neste momento está num colégio caro porque eu, por enquanto, posso pagá-lo, e os que não podem? Não terão também direito a uma educação em condições?
Deixem-se de demagogias e pseudo-psicologias estas situações só acontecem porque, agora, educar é violência infantil, educar, é agora exploração do trabalho infantil!
Rais partam aqueles que pós 25 de Abril de 74 transformaram estepaís na mxxxx em que está agora

Abraço

Anónimo disse...

Já agora, há 20 anos o povo português era bem aceite em qualquer país para onde emigrava, daqui a menos de 10 ninguém os quererá lá!!!

Como eu os compreendo!

Pxxx que pariu estes políticos da mxxxx que por cá temos

Anónimo disse...

VOLTA ANTÓNIO DE OLIVEIRA, ESTÁS PERDOADO!

VIVA SALAZAR